Adquirir experiência profissional é indispensável para construir uma carreira de sucesso, e nada melhor que um estágio na sua área de formação para obter conhecimento. 

Mais do que uma forma de aprender sobre a sua futura profissão na prática, o estágio pode abrir muitas portas para a sua carreira, como a possibilidade de efetivação na empresa que você estará estagiando, e até o networking com pessoas do setor. 

Sendo assim, são muitas as vantagens de fazer um estágio, e é sobre isso que falaremos neste artigo. 

Que tal entender mais sobre essa possibilidade de emprego e conhecer os principais benefícios para o seu futuro? Seja bem-vindo ao blog da Missão RH e boa leitura!

Como funciona um estágio na prática? 

O estágio surgiu como uma maneira de proporcionar experiência aos estudantes em sua área de formação, oferecendo, assim, uma oportunidade para aprender na prática sobre a profissão. 

Geralmente, são de 4 a 6 horas de trabalho por dia e o período de estágio dura em torno de 6 meses. Entretanto, pode ser prolongado dependendo da empresa. 

A remuneração, ou bolsa auxílio, também dependerá da organização que irá recrutar o estagiário e, é claro, da função que ele ou ela desempenhará neste período de tempo. 

De acordo com a Lei do Estágio, a jornada de trabalho será definida em comum acordo com a instituição de ensino do estudante e a empresa deverá estipular previamente as atividades que serão desenvolvidas pelo estagiário. 

Em suma, o estudante que deseja adquirir experiência através de um programa de estágio, deverá ter o aval da instituição onde estuda e trabalha, no máximo, 40 horas semanais.

Ah, e é claro que nesse meio tempo aprenderá muito sobre a profissão!

Foto: Christin Hume/Unsplash

Adquirir experiência com: Estágio obrigatório x não obrigatório

É muito comum que haja dúvidas relacionadas às modalidades de estágio. Sabendo disso, vamos explicar qual a diferença entre o estágio obrigatório e não obrigatório. 

Bem, é importante ressaltar que o conceito de estágio é o mesmo para ambos os tipos: agregar conhecimento e experiência sobre a área de estudo. 

No entanto, o estágio obrigatório é solicitado pela própria instituição de ensino, sendo um pré-requisito para que o estudante possa se graduar. 

Essa modalidade de estágio contribui para que o indivíduo possa aprender sobre a profissão e finalize o curso com o conhecimento necessário. 

Por outro lado, o estágio não obrigatório, isto é, aquele que vemos em sites de empregos como na Missão RH e outros canais, não foca apenas em adquirir experiência. 

Ele também proporciona remuneração e, dependendo da empresa, outros benefícios como vale transporte e alimentação. 

Além disso, o estágio não obrigatório também pode exigir uma jornada de trabalho maior que o estágio obrigatório. 

Principais vantagens do estágio para a carreira profissional

O estágio não possibilita somente adquirir experiência na sua área de atuação, ele também oferece muitas outras vantagens para o seu futuro. 

Independente do local onde você estiver, bem como a profissão que escolher, alguns fatores são extremamente importantes na hora de conseguir um emprego. 

Logo, alguns desses fatores podem ser conquistados durante o período de estágio. 

#1 Network

Vamos imaginar a seguinte situação: você é recrutado como estagiário para trabalhar em uma empresa do segmento. 

Lá, você conhece diversas pessoas da área e estreita laços com algumas delas. Em algum momento, essas pessoas podem indicá-lo à algum amigo, ou até recomendá-lo para que seja efetivado dentro da empresa. 

Isso nada mais é que Networking, no caso, cultivar uma rede de contatos. Sendo assim, esteja sempre aberto à aprender e se relacionar com seus colegas de trabalho, um dia você irá agradecer!

#2 Conhecimento de mercado

Uma outra grande vantagem de estagiar na sua área de estudos é a possibilidade de entender mais sobre o mercado. 

Seja no setor de comunicação, jurídico, financeiro ou administrativo, será de grande valia entender como é o mercado e saber o que realmente funciona na prática. 

Entretanto, isso não quer dizer que a instituição de ensino não o educará sobre o dia a dia de uma empresa, mas é indispensável adquirir experiência para melhor compreensão.

#3 Remuneração 

Por fim, a remuneração (ou bolsa auxílio) também pode ser vista como uma vantagem do estágio. 

Apesar de não ser um salário cheio, receber uma contribuição sobre o trabalho executado é importante para que o estagiário já comece a se adaptar à receber e, quem sabe, ganhe mais independência. 

A bolsa pode ser utilizada para pagar a mensalidade do curso, livros ou até mesmo cursos para especialização na área. 

Foto: Austin Distel/Unsplash

Com um currículo assim você não precisará de experiência

Sabemos que não é tão simples arrumar um estágio sem possuir nenhuma experiência. Com vagas para efetivos pode ser ainda mais complicado.

Por isso, separamos um conteúdo voltado especialmente para você que quer mudar de área, estagiar ou, até mesmo, arrumar um emprego na área desejada. 

Assista ao vídeo e veja como adquirir experiência de uma vez por todas: