“Como fazer a gestão de pessoas nas organizações de forma efetiva?” Se você já se perguntou isso, fique tranquilo!

Muitos gerentes, supervisores e até diretores têm essa dúvida, afinal, cada pessoa possui diferenças e características próprias.

No entanto, vale ressaltar que, para liderar uma equipe, é essencial entender essas diferenças e saber lidar com o time como um todo. 

Já se foi a época em que chefes eram sinônimos de autoridade e “ai de quem descordasse”.

Hoje, a contribuição dos colaboradores e discussões internas são fatores essenciais em empresas que almejam o crescimento.

Logo, muitas organizações recorrem ao coaching como uma forma de exercitar lideranças e melhorar processos internos. 

Sabendo disso, vamos explicar como transformar um gestor em coach e porque isso é tão importante para garantir o sucesso do seu negócio!

Seja bem-vindo ao mundo da Missão RH. Pegue seu café ou água e boa leitura! 

Mas, o que faz um Coach? 

Antes de falarmos sobre o processo de transformar um gestor em coach e por que isso é tão importante, vamos começar abordando o que é coaching e o que faz um profissional dessa área. 

Vamos lá?!

Se formos traduzir o termo coach de forma literal, em português ficaria “treinador”. 

No entanto, essa profissão desempenha um papel muito importante no mercado de trabalho, sendo o coaching um conjunto de técnicas e métodos utilizados para desenvolver um profissional. 

Após entender qual a necessidade do cliente, sua rotina e objetivos, o coach elabora um planejamento detalhado e direciona todo o seu conhecimento em gestão e administração para auxiliar aquela pessoa a alcançar suas metas. 

São propostos encontros semanais, quinzenais ou apenas mensais, dependendo do profissional, para realizar exercícios e observar o desempenho do indivíduo. 

Vale ressaltar que um coach não é psicólogo, o seu trabalho é voltado para a busca de soluções no âmbito organizacional, entendendo as dificuldades e pontos fortes de cada pessoa.

Todavia, não são apenas colaboradores que procuram esse serviço. Líderes também vão em busca do autoconhecimento profissional no intuito de realizarem a gestão de pessoas nas organizações da melhor forma!

Por que transformar um Gestor em Coach? 

Para fazer uma boa gestão de pessoas nas organizações, é muito importante que o supervisor, gerente ou, até mesmo, diretor desenvolva os soft skills e habilidades necessárias para liderar seu time. 

Algumas dessas habilidades envolvem: 

– Gerenciamento do tempo;

– Controle de resultados; 

– Cobranças;

– Delegação de funções. 

Para executar essas funções da melhor forma, o gestor deve levar em consideração a produtividade e entendimento sobre o assunto de cada colaborador. 

Logo, o coaching pode se tornar um grande aliado dos líderes, independente do ramo de atuação e cargo na organização.

Afinal, os princípios dessa técnica envolvem o conhecimento em administração, gestão, comportamento humano, entre outros assuntos. 

Isso é indispensável para que você comande as pessoas da melhor maneira e não seja visto como uma figura autoritária ou, em alguns casos, não conquiste o respeito da equipe.  

Nesse caso, quando um gestor se torna coach, o desempenho da equipe tende a aumentar e a relação entre chefe e funcionário se torna mais forte.

Melhore a gestão de pessoas nas organizações com o coaching

Veja como você, gestor, pode se tornar um coach e todas as vantagens que esse processo traz para a sua empresa. 

Liderar com a ajuda de um profissional experiente e a partir de conhecimentos técnicos faz toda a diferença. 

Assista ao vídeo abaixo e veja como funciona!

E não deixe de conferir mais sobre os serviços da Missão RH. Recrutamento e seleção, elaboração de currículos e coaching de carreira você encontra aqui.