O profissional de recursos humanos vem ganhando mais destaque com o passar dos anos. 

Isso porque, embora muitas pessoas desconheçam ou não saibam exatamente o que faz esse profissional, ele cumpre um papel indispensável dentro das organizações. abrir seus horizontes!

Leia também: Gestão de pessoas: 5 Filmes sobre liderança que irão 

Aproveitando que hoje, dia 3 de junho, comemora-se o dia do profissional de RH, vamos explicar como surgiu essa profissão e a sua importância no mercado de trabalho.

Aconchegue-se e aproveite o conteúdo especial que separamos para você.

Vem com a gente!

Como surgiu o profissional de recursos humanos?

O surgimento do profissional de recursos humanos foi um divisor de águas no mercado de trabalho. Tanto que, atualmente, ele é visto como parte fundamental nas empresas e instituições.

No entanto, antes de explicar como essa função foi criada, precisamos voltar ao ano de 1911, quando o engenheiro mecânico Frederick Taylor publicou o livro Princípios da Administração Científica.

Taylor e os princípios de produtividade

Taylorismo e a administração científica

A administração científica, pensada por Taylor, defendia a implantação da produção padronizada, o controle de tempo e ferramentas para economizar tempo. 

Esse método visava monitorar o tempo e os movimentos realizados por cada funcionário, no intuito de aumentar a produtividade e eliminar obstáculos. 

Todavia, os princípios da administração científica resultaram no desânimo dos operários, fazendo com que a produção diminuísse.

Fayol e a administração clássica

Fayol e a teoria clássica

Neste mesmo cenário, surge a teoria clássica da administração, fundada pelo engenheiro de minas, Jules Henri Fayol. 

Ao contrário da teoria científica, esse novo modelo de administração visava a remuneração dos operários, a delegação de autoridade para supervisores e a igualdade entre a equipe. 

Dessa forma, foi possível observar o aumento da produtividade nas empresas, demonstrando a importância de valorizar a escala de trabalho.

Entendi. Mas, afinal, como isso está ligado ao profissional de recursos humanos?

Bem, teorias como a administração científica e a clássica são ótimas formas de ilustrar como era o formato de trabalho há décadas atrás. 

Conforme os anos foram passando, diversos outros métodos de trabalho surgiram para definir diretrizes nas organizações. 

Entretanto, um princípio que teve destaque e se mostrou indispensável desde os primórdios, foi a valorização do colaborador. 

 3 de junho de 1976

No dia 3 de junho de 1976, surge a Federação Mundial de Associações de Gestão de Pessoas, a WFPMA (World Federation of People Management Associations). 

Sendo assim, a data ficou conhecida como o dia internacional do profissional de recursos humanos, devido a necessidade de demonstrar a relevância da profissão e celebrar a importância do RH para as empresas.

Após esse marco na história do setor de recursos humanos, diversos profissionais do Brasil ganharam destaque pela função.

Como, por exemplo, o fundador da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), Genésio Lucone.

Para entender de uma vez por todas: Qual a função do profissional de recursos humanos? 

Recursos Humanos

Seja para trabalhar dentro de uma empresa, ou como um serviço terceirizado, o profissional de recursos humanos será responsável pelas seguintes funções: 

  • Processo de seleção;
  • Recrutamento;
  • Treinamento;
  • Remuneração;
  • Benefícios trabalhistas.

Logo, o RH deve estar atento às relações internas e leis trabalhistas, garantindo que os colaboradores recebam seus benefícios e possam exercer suas funções em um ambiente saudável.

Além disso, o profissional de recursos humanos cumpre um papel muito importante nas empresas: desenvolver competências. 

Quando falamos em competências, ou”soft skills”, estamos nos referindo às formas de relacionar-se com a equipe, superar características negativas e melhorar ainda mais as positivas. 

Ou seja, o RH deverá acompanhar o desempenho dos colaboradores e auxiliá-los a melhorar constantemente em suas funções. 

Por que contratar um profissional de RH é indispensável?

Por que o RH é indispensável?

Como você pôde ver, o profissional de recursos humanos oferece inúmeras vantagens para a organização como um todo, sendo a ponte entre os trabalhadores e a direção.

Essa função exige responsabilidade e proatividade por parte do profissional, que deverá ficar atento ao comportamento dos colaboradores e contribuir com ideias para integrar ainda mais a equipe.

>> Conheça nosso canal no Youtube aqui. 

Temos orgulho da nossa profissão!

A Missão RH foi fundada em 2008 com o objetivo de atender empresas em Caxias do Sul e oferecer soluções diferenciadas conforme o perfil e as necessidades dos clientes.

Estamos sempre em busca de conectar organizações e pessoas, tornando o processo mais simples e dinâmico. 

Acesse nosso site e confira os serviços da Missão RH para empresas!